(31) 2512-3329 | 2511-8836

Aumento na produção de eucalipto gera preocupação para o meio ambiente

A produção de eucalipto no Tocantins nos últimos anos chamou atenção dos produtores, que passaram a substituir o pasto pela floresta em pé. Porém, esse crescimento trouxe um alerta para o meio ambiente.

Segundo o engenheiro agrícola, Ricardo Marques, as regras para o plantio em grande escala da espécie estão mais rigorosas o que ajuda na redução dos impactos ambientais.

“O que temos de colocar em foco é que um plantio bem feito, um plantio licenciado ele já antecipa todas essas premissas. Então, se for plantar, tem que plantar em curva, dar uma olhada na questão da densidade, do solo, clima e relevo”, esclareceu Marques.

O engenheiro florestal, Klaus Lindiner, é do Paraná e foi um dos encarregados de investir na silvicultura no território tocantinense. A empresa que ele presta serviço possui atualmente mais de 35 mil hectares de eucalipto plantado em fazendas na região de Araguaína, área que deve ser ampliada no nos próximos anos.

“O Tocantins hoje é nossa última fronteira agrícola e florestal no Brasil.” O eucalipto é multiuso hoje, tanto serve para papel, ou celulose solúvel. Usos diversos, como para têxteis, quanto para energia renovável – explicou.

Fonte: G1

Fechar Menu